14 de dez de 2014

Semana 4: preocupações produtivas

Mais uma prática da série 6 semanas: preocupações produtivas.

Esta foi uma das melhores lições que aprendi durante minhas sessões de terapia. Aliás, um breve parênteses para dizer que a terapia é uma ferramenta fantástica de autoconhecimento. Sei que ainda há muita gente que acha coisa de louco. Ou outros que fazem mas tem vergonha de dizer. Deixe os preconceitos para trás e faça terapia. Você vai aprender muito sobre você.

 
# Semana 4: preocupações produtivas #

Quanto tempo por semana você passa se preocupando? Já parou para reparar?

E o que dizer daquelas preocupações que ficam girando em círculos, sem nenhuma solução, apenas repetição?

Há 2 tipos de preocupações: as produtivas e improdutivas.

De uma forma resumida, preocupações improdutivas não levam a lugar algum. Pensamentos geram mais pensamentos, stress e reações emocionais negativas. E este ciclo se repete por muito tempo...O que cria um desperdício de energia mental e a enorme dificuldade em escutar com atenção plena e viver no presente (dentre outros problemas).

Já as preocupações produtivas dão origem a um plano de ação, que defina o que será feito, como, por quem e quando.

Preocupações todos nós temos. Não se cobre quanto a isso. Apenas tente transformar suas preocupações em produtivas. E não se esqueça de implementar seu plano de ação :)

Segue minha indicação de terapeuta altamente qualificada. Além de entrar em contato com ela, você poderá aprender mais sobre o tema deste post.

Nenhum comentário:

Postar um comentário