27 de out de 2012

Uma visão budista sobre o emprego

"O conceito de emprego aparece com a revolução industrial, a automatização e a eficiência da produção. O conceito de postos de trabalho é uma construção humana artificial, dela surge a noção de desemprego e suas derivações. Nossa existência humana necessita de inclusão social, mas ver o emprego como a única forma de inclusão social é uma grave limitação.
No sentido budista, a inclusão social ocorre quando ocupamos um espaço útil dentro da coletividade humana, o que não precisa se dar por intermédio de um emprego."



Lama Padma Samten

O Lama e o Economista, 2004. Editora Rima


O quanto você e sua organização estão sendo úteis para a coletividade?

Se sua empresa deixar de existir, que falta fará à sociedade?

Quais talentos você dispõe e como colocá-los em prática para atender melhor seus clientes internos e externos?

Nenhum comentário:

Postar um comentário